ESCONDIDOS EM DEUS | Por Giselle Prado

Difícil escrever um texto como esse. Pra muitos, só de olhar o título, pode achar completa covardia, o ato de se esconder, mas será mesmo?

Ou até mesmo você pense: “mas ué, não era tempo de sair da caverna?” Pois bem, acho que esse texto é um complemento do texto Mulheres Saiam da Caverna. Calma que meu objetivo não é te confundir, mas sim te ajudar a discernir o tempo em que você está vivendo. 

Há tempos que venho orando sobre a igreja brasileira, sobre nós mulheres, sobre meninas que sofrem depressão, abuso e tentando compreender o que se passa no coração de Deus pra esse tempo.

Deus tem revelado Seu coração aos poucos e eu escrevi sobre algumas delas nos textos  Quem São Estes? e Coragem! Esse é o tempo.Coragem! , se você ainda não leu, dá uma lidinha <3

E hoje quero falar sobre o que Ele compartilhou comigo, enquanto orava:

Eu via, profetas, líderes, pastores e pessoas de influência, rostos não conhecidos, gerados no Espírito e zelosos pela essência da igreja, escondidos por Deus. Era como se eu os visse encobertos por algo que não sei descrever.

Desde então o Espírito Santo, tem ministrado muito sobre “me esconder Nele”.

Mas o que é se esconder em Deus?

Se esconder em Deus nada mais é do que se submeter ao processo de gestação espiritual no secreto. É entender que assim como um prédio, antes de ser visto por todos, seus fundamentos são construídos, praticamente, o dobro do seu tamanho, para ter uma boa sustentação, sendo visto apenas por poucos e assim somos nós que queremos algo verdadeiro e profundo com Deus. E isso, leva tempo. Não há prédio construído do dia para noite, que dirá nós. Nos custará paciência e muita, muita… perseverança.

Como são os filhos escondidos em Deus?

Assim como um tesouro ou joia preciosa, não se expõe a qualquer momento e pra qualquer um, assim são os filhos gerados no secreto e no Espírito. Eles se escondem em Deus. São como tesouros e joias preciosas nesse mundo. Estão no mundo, mas não pertencem a ele. Seu valor transcende o tempo e essa vida terrena. Não há moeda, fama, reconhecimento ou aplausos que os compra. Eles buscam a qualquer custo dar total glória e honra à Aquele que os gerou e entendem o tempo de gestação espiritual. Entendem que para ter uma vida sadia com Deus, nem sempre significa ser visto por muitos, mas ser visto por Ele.

Mas onde eles estão?

Como são numerosos os tesouros e riquezas nas profundezas dos oceanos, e que com certeza nem tudo conheceremos, assim são os filhos gerados do espírito, escondidos em Deus. Eles existem e já estão por aí. No norte, nordeste, sul, sudeste, centro oeste do nosso Brasil e pelo mundo, muitos deles ainda não os conhecemos, outros sim… E de repente esse alguém seja você que está lendo agora. Por que não?

E então deixe que ele te leve para fora! CORAGEM!

No tempo certo, estes que pra muitos estão escondidos, serão levantados e revelados ao mundo, conhecidos para expressarem o coração de Deus e apontarem pra Jesus, O fazendo conhecido de maneira profunda e pura. Creio que pra esse tempo, não há de faltar muito. É um tempo estabelecido por Deus e muito esperado por Ele… Será como festa, um momento especial. As joias, riquezas e tesouros serão revelados ao mundo, como uma noiva, que se prepara para um casamento, e então em beleza é revelada aos convidados da festa, em outras palavras, profetas, líderes, pastores segundo o coração de Deus levantados por Ele.

Que a gente atenda a voz do Espírito Santo. Que a nossa carência e busca em querer aparecer, seja totalmente saciada pela presença do Eterno e de que o foco é e sempre será sermos conhecidos em primeiro lugar, no céu.

Me esconda em Ti, onde os Teus olhos estão atentos sobre mim. Onde me torno como criança e me agarro em Ti e de Ti não quero mais soltar. Onde o Teu amor profundo é como o oceano, e me cerca e me encharca de coragem. Me esconda em Ti, pra eu gerar o que deve ser gerado pra minha geração. Sementes de vida. Frutos eternos. Me esconda em Ti! Onde os olhos humanos não alcançam, onde só Você pode me achar. 

 

 

 

 

 

O que achou desse texto? Deixe seu comentário ❤