EU VENCI O SUICÍDIO, VOCÊ TAMBÉM PODE VENCER | Testemunho por Andrelúcia da Silva

Após ler um texto sobre depressão, sabendo mais sobre a série que fala sobre o suicídio e o Aba abrir meus olhos sobre pessoas que estão cada vez mais perto do fim (e perto de mim), meu coração queimou por contar essa história. Sim, ela é longa, mas tem a mão Dele em tudo.

​​
Desde que eu nasci o contexto é complicado. Meu pai, cristão desde a infância, passou por uma crise no casamento e, dessa crise, eu vim ao mundo. Entre a gravidez e meu nascimento, meu pai voltou com a esposa dele, o que virou um caso público de adultério. A esposa dele, estava grávida quando descobriu, quase perdeu o filho e quase saiu de casa. Uma criança totalmente indesejada, não planejada por ninguém e que sofreu rejeição de onde menos se esperava. 
Assim eu vim ao mundo. Com uma mãe solteira e um pai ausente. As minhas poucas lembranças do início da minha infância envolvem abuso e bullying. Esse fardo eu carreguei muito tempo, pois sempre foi constante. Por várias fases da minha vida eu vivia atordoada e a medida que eu crescia eu percebia que eu não tinha amigos, nem na vizinhança da minha casa, nem na igreja e nem na escola.

​ ​

A pessoa que eu mais gostava era minha mãe e estar com ela me fazia me sentir​ melhor, mas nem sempre estávamos juntas já que ela tinha que trabalhar para me sustentar.

​​
Na escola eu vi que eu não era amada e querida por ninguém. Meu cabelo cacheado era criticado pelas pessoas. O ser prematura era acusada como algo inadequado. Minhas roupas e meu jeito de vestir eram impróprios. Eu não tinha amigos. Sempre via os olhares de críticas e as risadas de zombaria se davam com a minha presença. A igreja, que era parte do meu refúgio, se tornou um pesadelo cada vez maior quando as crianças da minha idade passaram a me rejeitar e as tentativas em me enturmar a força com elas foi se mostrando cada vez mais infrutíferas.
Eu me via sozinha o tempo todo, então cogitei o que me era mais lógico: não ser mais um peso para as pessoas.
 
Desde essa época, já com uns 7 anos, mais ou menos, pensamentos de que eu era um fardo indesejado para as pessoas, começaram a rondar minha mente. A falta de amigos só confirmava isso e então eu comecei a pensar em formas de acabar com a minha vida para que as outras pessoas não se incomodassem mais com a minha presença.

​ ​

Três tentativas, todas inválidas. A primeira tentando me jogar na frente de um caminhão na BR, mas a pista ficou deserta por mais de 10 minutos (até me socorrerem); a segunda tentando me cortar com uma faca, mas com medo demais de ser pega por alguém antes disso e desistindo (por estar na cozinha da igreja escondida); a terceira tentando me enforcar, mas com um pano que não apertava meu pescoço​ o suficiente. Além dessas tentativas, vários outros pensamentos…

 
Eu sei o que é não se sentir querida, mas eu sei hoje que isso tem solução e é sobre isso que eu quero contar.
 
Ao ver que tirar a vida não funcionava, eu passei a procurar o Amor. Tentei me jogando nos braços de vários homens, procurando alguém que pudesse dizer a mim que eu era querida e que não precisava acabar com a minha vida. Foram anos de busca, até que Ele me encontrou.
 
Um dia, eu vi um filme onde o pai era tão carinhoso com a filha (e esse nem era o tema central do filme) e eu fiquei tão triste por não ter tido um pai carinhoso comigo como aquele. Eu entrei no meu quarto, fechei a porta e culpei a Deus por tudo que já tinha me ocorrido: toda a dor, todos os abusos, psicológicos, físicos, sexuais e verbais, todos os traumas e tudo que já havia me acontecido. Ele não me disse nada aquele dia, mas eu senti um ódio tremendo Dele. Eu queria morrer como nunca havia desejado antes. Mas daquele dia em diante a minha vida mudou.
 
Minha mãe, se casou anos depois, e juntamente com seu marido, passaram a demonstrar carinho e cuidado de um jeito tão singular comigo… Daquele dia em diante eu passei a me sentir tão amada que eu fui pedir desculpas à Deus pela minha ingratidão e ódio. Depois disso eu vi mais e mais ocasiões Dele demonstrando o amor e o cuidado Dele comigo, até que um dia eu ouvi uma pregação falando sobre oração. Nesse dia eu ouvi que Deus jamais deixava e deixa de ouvir uma oração, por mais que Ele não dê a resposta que a gente espera ouvir ou no momento que queremos. Desse dia em diante passei a falar sempre com Ele sobre como eu me sentia em relação ao mundo a minha volta e wow como as coisas mudaram…
Ele me resgatou quando eu passei a me relacionar com Ele e como eu tenho aprendido a depender mais desse Amor.​
 
Eu quero  ​poder ​desafiar o mundo a fazer o mesmo: ​falar​ com Ele que sempre ouve nos ouve, mesmo quando Ele não ​nos responde do jeito que queremos​. Vale muito a pena, pois o relacionamento entre nós cresce de tal forma, que você se vê envolto nos braços de amor dEle. Eu me vi assim e decidi nunca mais sair.
 
Ele aos poucos foi me curando, mostrando tantos livramentos que Ele havia proporcionado a mim e como Ele me ama. Jesus é o único que pode curar as feridas que o mundo causa e o único que pode nos​ dar um sentido de viver.
 
​Hoje eu vejo pessoas e mais pessoas sofrendo do mesmo mal que eu sofri e tudo que eu quero gritar a elas é
não desista, fale com Ele dizendo o que sente e sobre como está triste, Ele está te ouvindo o tempo todo e quer tirar toda a sua dor. Ele te ama e quer te restaurar!”​
Jesus é a própria vida eterna e quer ajudar nossos corações cansados e quebrados​​cabe a nós deixar
que Ele possa nos tirar desse lugar escuro.
_____
 
Testemunho enviado por A​ndrelúcia da Silva​
Se você tem um testemunho e deseja compartilhar, envie para contatousamn@gmail.com

27 Replies to “EU VENCI O SUICÍDIO, VOCÊ TAMBÉM PODE VENCER | Testemunho por Andrelúcia da Silva”

  1. Seu texto é perfeito. Tenho certeza que todos os seres humanos já cogitaram em seus corações o suicídio para fugir de si mesmo. Eu cresci no meio evangélico e assim como você me sentia rejeitada. Busquei a presença de Deus por ano a fio mas não obtive resposta. Continuo me sentindo só. Mas Deus não deixa de ser justo por não responder nossas orações.

  2. I’m no longer certain where you are getting your info, however good topic.
    I needs to spend some time finding out much more or figuring out more.
    Thanks for excellent information I used to be looking for this info
    for my mission.

  3. Everything is very open with a precise explanation of the issues.

    It was truly informative. Your site is extremely helpful.
    Many thanks for sharing!

  4. Very good article. I am experiencing some of these issues as well..

  5. Hello! Do you know if they make any plugins to protect against hackers?
    I’m kinda paranoid about losing everything I’ve worked hard on. Any
    suggestions?

  6. I relish, result in I discovered just what I was looking for.

    You’ve ended my four day lengthy hunt! God Bless
    you man. Have a nice day. Bye

  7. Hello, i think that i saw you visited my website thus i
    came to “return the favor”.I am attempting to find things to improve my web site!I suppose its
    ok to use a few of your ideas!!

  8. First of all I would like to say terrific
    blog! I had a quick question in which I’d like to ask if you don’t mind.
    I was interested to know how you center yourself and clear your head prior to writing.
    I have had trouble clearing my mind in getting my ideas out there.

    I truly do enjoy writing but it just seems like the first 10 to 15 minutes are generally wasted simply just trying to figure out how to begin. Any
    recommendations or hints? Appreciate it!

  9. That is a really good tip especially to those new to the blogosphere.
    Brief but very accurate info… Thank you for sharing
    this one. A must read article!

  10. It is not my first time to pay a quick visit this web page,
    i am visiting this web page dailly and take nice information from here all the time.

  11. If you wish for to take a great deal from this piece of writing then you have to apply these techniques to your
    won webpage.

  12. Hey there this is kinda of off topic but I was wanting to know if blogs use WYSIWYG
    editors or if you have to manually code with HTML.
    I’m starting a blog soon but have no coding know-how so I wanted to get advice from someone with experience.
    Any help would be enormously appreciated!

  13. Excellent way of describing, and nice post to obtain data concerning my
    presentation subject, which i am going to convey in university.

  14. Appreciation to my father who stated to me about this webpage, this blog is actually amazing.

  15. Thanks for every other great post. Where else may just anybody get that kind
    of info in such a perfect means of writing?
    I’ve a presentation subsequent week, and
    I am on the search for such information.

  16. I do not even understand how I ended up here, however I believed this post used
    to be great. I don’t realize who you’re but
    certainly you are going to a famous blogger in the event you aren’t already.
    Cheers!

  17. Hey! I know this is kinda off topic however I’d
    figured I’d ask. Would you be interested in exchanging links or
    maybe guest authoring a blog post or vice-versa? My website covers a lot of the
    same subjects as yours and I feel we could greatly benefit from each other.
    If you are interested feel free to send me an email.

    I look forward to hearing from you! Awesome blog by the way!

  18. I think what you said made a ton of sense. But,
    what about this? suppose you wrote a catchier post title?
    I am not suggesting your information is not solid., however suppose you added something that makes
    people want more? I mean EU VENCI O SUICÍDIO, VOCÊ TAMBÉM PODE VENCER | Testemunho por Andrelúcia da Silva – Um Socorro À Meia Noite is a little plain. You should look at Yahoo’s home page and watch how they create post headlines to grab viewers to open the links.
    You might add a related video or a related picture or two to grab
    people interested about what you’ve written. In my opinion, it could bring your posts
    a little livelier.

  19. Oh my goodness! Amazing article dude! Thank you
    so much, However I am encountering problems with your RSS.
    I don’t understand why I am unable to subscribe to
    it. Is there anybody else getting similar RSS issues?
    Anyone that knows the answer will you kindly respond?

    Thanx!!

  20. Fine way of describing, and good article to take facts regarding my presentation focus,
    which i am going to present in college.

  21. Undeniably imagine that which you stated. Your favourite
    reason seemed to be on the net the simplest factor to have in mind of.
    I say to you, I definitely get annoyed while other folks
    think about concerns that they plainly don’t realize about.
    You managed to hit the nail upon the top and also outlined out the whole thing without having side-effects , other folks can take a signal.
    Will likely be back to get more. Thanks

  22. Wow, that’s what I was searching for, what a stuff! present
    here at this blog, thanks admin of this website.

  23. Sling tv coupons and promo codes for november 2018
    Wonderful blog! I found it while browsing on Yahoo News.
    Do you have any suggestions on how to get listed in Yahoo
    News? I’ve been trying for a while but I never seem to get there!
    Thanks sling tv coupons and promo codes for november 2018

  24. Since the admin of this web site is working, no question very quickly it
    will be renowned, due to its feature contents.

  25. Simply wish to say your article is as astonishing. The clearness for your submit
    is just spectacular and i can suppose you’re a professional in this subject.
    Fine with your permission let me to clutch your feed to stay up
    to date with forthcoming post. Thank you 1,000,000 and please continue the gratifying work.

  26. You made some decent points there. I checked on the net
    to learn more about the issue and found most individuals will go along with your views on this website.

  27. When someone writes an article he/she keeps the plan of
    a user in his/her mind that how a user can be aware of it.
    Therefore that’s why this article is perfect. Thanks!

Deixe uma resposta