Francieli Oliveira – 16 anos

Embu das Artes – São Paulo

"Deus tem um plano para cada bebê antes mesmo de nascer. Um lindo proposito uma, missão, um sonho gravado em seu coração. Para viver e marcar sua geração"

Ele me escolheu antes mesmo de eu ser gerada. Quem um dia poderia imaginar que de uma família de católicos fanáticos nasceria uma menina que faria tamanha diferença? Uma menina tímida seria capaz de anunciar o evangelho para o mundo? Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias (1Co 1:27). Há 24 anos atrás minha mãe passou por uma gravidez de risco e acabou tendo um parto prematuro, o qual deu a luz ao meu irmão. Decidida de que não iria mais ter filhos, 8 anos depois se deparou com a notícia de que estava à espera de um bebê. Eu estava sendo gerada. Os planos de Deus não são os mesmo que os nossos, não é verdade? Uma gravidez tranquila porém com medo, o parto uma benção, nascia um milagre. Por volta dos meus 5 anos meu irmão se envolveu com coisas erradas e a infância que deveria ser feliz e sem preocupações passou a ser conturbada, com lágrimas e cheia de problemas. Aos 10 anos meus pais me colocaram na catequese, mas eu não me encaixava ali, o que era ensinado não me fazia sentido e o desejo de visitar uma igreja evangélica ardia em meu coração. Em 2008 uma família evangélica passou a morar no mesmo prédio que nós e aos poucos fomos fazendo amizade com eles. Com os problemas cada vez piores, preocupações a flor da pele e sofrimento que não cessava, essa familia que agora eram nossos amigos começaram a nos falar do amor de Cristo e eu fui ficando maravilhada com cada palavra que eu ouvia, queria ouvir e aprender mais e mais sobre esse Deus que até então eu ainda não tinha entendido nada. Em 2010 fomos convidados a fazer uma visita a igreja deles e aceitamos o convite. Aquele lugar que lá atrás eu tinha tanta curiosidade de conhecer era ainda melhor do que eu imaginava, os louvores lindos e a pregação parecia ser direta e exclusivamente para nós. No mesmo ano tive uma conjuntivite muito forte e quando sarei resolvi não voltar mais a catequese. As visitas a igreja eram cada vez mais frequentes e aos 12 anos aceitei Jesus como Senhor e Salvador da minha vida. A cada dia eu me sentia mais e mais apaixonada por Cristo, o primeiro amor era o que dominava meus dias. Cheguei ao ensino médio e algumas amizades não eram nada edificantes, eu não queria ser chamada de cafona, ninguém podia saber que eu era Cristã, havia músicas seculares as quais eu não conhecia, que horror! Eu me afastei de Deus. Continuava indo a igreja somente para acompanhar a minha mãe, mas na verdade minha vida não estava ali. Tempos depois percebi que eles eram amigos falsos, não se importavam comigo, me magoaram, eu chorava, fiquei dilacerada. Deus nunca tinha me feito chorar, que tola eu fui! Criei um Tumblr para "desabafar" e passei a postar algumas coisas mundanas, mas logo após 6 ou 7 postagens eu senti o desejo de falar com Deus, então me ajoelhei, me derramei aos seus pés e Ele me acolheu. Ele poderia ter me ignorado, poderia não ter me perdoado, poderia ter me jogado fora, mas Ele não o fez, Ele simplesmente me abraçou e me trouxe de volta. Editei meu Tumblr e passei a postar versículos, frases evangélicas, textos, imagens e com o passar do tempo os seguidores foram aumentando. No ano passado, passando algumas postagens de pessoas que eu seguia encontrei uma postagem aonde dizia "Quem quiser entrar no grupo de garotas evangélicas deixa o número aqui em baixo" eu coloquei meu número e fui adicionada ao grupo "Escolhidas" essas meninas foram um presente de Deus na minha vida. Todos os dias Deus usava uma delas para falar comigo, lembra daquele primeiro amor que eu disse que fervia em mim? Pois é, ele foi novamente ativado. Nesse mesmo grupo conheci a Giselle e um certo dia ela perguntou se alguma menina gostaria de ser editora da página, antes mesmo que eu pudesse perceber eu havia enviado "eu quero". Creio que eu e todos os outros editores que hoje fazem parte da página, fomos escolhidos pelo próprio Deus para fazermos parte dessa grande obra. Aaaah, lembra dos problemas com o meu irmão? Eles já não existem mais! Deus é lindo. Eu assim tão jovem, com um chamado tão grande e tão bonito. Eu que sempre fui tão tímida, escolhida para dar minha cara a tapa por Jesus. Quero viver para Deus até o meu último suspiro. Hoje Deus é meu oxigênio, é pensando Nele que eu acordo todas as manhãs, tudo o que faço é por Ele, tudo que há em mim é Dele, eu sou pertenço a Ele! Que Deus os abençoe grandemente.