PROCESSOS | Por Alessandra Pelegrini

Algumas vezes acontecem no escuro, outras na luz que revela as trevas em nós, pode acontecer como a subida para uma alta montanha e também pode se parecer mais uma ida ao fundo do poço. Eles estão presentes na vida de cada um de nós, em todas as áreas e de todas formas diferentes. Ou seja, cada um tem o seu processo. Entendo que essa seja uma boa forma de começar falando deles, te dizer que você tem seu processo, seu amigo tem o dele e eu tenho o meu. Fim. Quando nos tratamos de processos e de crescimento não pode haver comparação. O seu não é melhor, nem pior, é somente o seu. Único e que só você pode determinar quanto tempo durará ou não.

Cada pessoa precisa viver o seu processo, a seu tempo. E como já disse, é você e só você que determina o tempo que esse processo dura, mais ninguém, além de você e Deus pode determinar esse tempo. Muitos processos que vivemos são como Vales espirituais, olhamos para os lados e vemos um caminho estreito e muito tortuoso, precisamos da mão dEle segurando a nossa mão para atravessar esse Vale. Tentar sozinho é uma opção, mas te digo com toda certeza que não é a melhor, Ter Nosso Pai nos momentos mais difíceis é a opção mais sensata pra quem sabe que tem um Pai.

Processos não são nada fáceis e quase nunca rápidos, quem quer crescer precisa passar por eles e não há outro caminho.

Mas há duas formas de caminhar: Com Ele e sem Ele

Como alguém que já tentou dos dois jeitos, te digo de novo que com Ele tudo muda.

Com Ele há esperança de que após a escuridão a luz virá rompendo, com Ele há esperança que as trevas que existem em nós serão completamente dissipadas pela luz da sua face, com Ele há uma mão que te ajuda a escalar a montanha e com Ele a ida ao fundo do poço não é simplesmente uma queda, mas uma jornada de conhecimento nEle.

Inclua-o nessa jornada. Entendo como a voz de alguém que não vê o que se passa dentro de você e que nem percorre por esse mesmo caminho que você percorre, pode parecer pequena perante tantas emoções e barreiras que você vê enquanto caminhama. Eu entendo mesmo.

Cada parte dessa caminhada precisa ser vivida, mesmo quando olhamos pra nós e nos vemos tão distantes do lugar que queremos chegar. Mas não estacione, não deixe seus sentimentos te levarem e sim a Palavra dEle em você!

A voz da minh’alma agora mesmo me diz que o processo não vale a pena, que a luz nunca vai romper a escuridão e que eu nunca vou chegar onde Ele disse que eu chegaria.

Não posso ouvi-lá, assim como você também não pode. A palavra do meu Pai que me colocou nisso e que está comigo é que prevalecerá. E até isso faz parte do processo,

nada pode ser ignorado e escondido. Tudo cooperará para o bem!

Olhe, pare e escute.

Olhar para o que acontece dentro e ao seu redor te dá uma visão mais clara do processo pelo qual você está passando.

Parar, é importante se lembrar que o Processo é uma caminhada e não um lugar de estacionamento, mas na caminhada é preciso parar para recuperar descansar.

Escutar, processos exigem de nós estarmos atentos a o que Ele quer dizer em cada situação e se não pararmos de falar nunca o escutaremos.

“Qual seu processo hoje?”

Ele é o SEU processo e não do outro. Ele é sua vida com Deus e seus relacionamentos, não do outro. Ele é o SEU tempo e não o do outro. Se você compara seu processo com o do outro, você nunca vive o que deveria estar vivendo.

No processo há entrega, muitas vezes você não entenderá os “porquês”, não saberá expressar com totalidade aos outros sobre esse processo e coisas irão mudar de um dia para outro. Nessa hora, precisa haver entrega. Confie que Ele é seu Deus e Pai perfeito, que Ele nunca te fará passar por NADA e absolutamente nada que Ele não saiba que você pode passar. Um Pai não quer a morte do filho e sim o crescimento. Confie nisso e entregue emoções, questionamentos e toda dor nas mãos dEle. Sabendo que Ele cuidará de tudo isso bem melhor que eu e você.

“Qual seu processo hoje?”

Gostaria que pensasse nessa pergunta, tudo que escrevi é o pouco do que aprendi até aqui e quase todas associações vieram de uma viagem de trem. Por fim, viva seu processo, dê seu melhor sabendo que no fim você estará preparado para viver os planos de Deus e mais parecido com Jesus.

 


Texto enviado pela leitora do blog Alessandra Pelegrini

Deixe uma resposta